31 de ago de 2009

Turistando - Santos-SP

Sábado de sol...
Peguei carona com meu pai que ia trabalhar em Santos (instalação e configuração de rede em um cliente da empresa onde ele trabalha) e fui passear no centro da cidade.
Saímos cedinho.

No meio do caminho tinha uma cerração. Mas só um pouquinho.

Chegando lá, logo meu primeiro ponto de parada foi o Santuário de Nossa Senhora de Monte Serrat.
Subi a escadaria de mais de 400 degraus.
Obviamente, cansei.

Durante a subida, é possível ver os passos da Paixão de Cristo em painéis como este.

Lá de cima a vista é incrível.
Mas o cheiro do bairro começa a me incomodar: há dejetos caninos por toda parte, ruas e calçadas.
Coisa de "uma mina" a cada 2 metros. Campo minado constante.

A igrejinha é linda (vi no cartão postal que eles vendem na lojinha), mas como ela se encontra atualmente em reforma, está fechada para visitações e toda desmontada.
O bom é que a reforma acaba por expor toda a estrutura original de taipa de pilão. Também é possível ver mais recentes intervenções do edifício, perceptível pelos diferentes materiais usados.
Quem pagou o bondinho funicular para subir e descer o morro ficou revoltado. Ouvi diversas reclamações. Também achei o preço bem salgado: R$ 17,00.
Quem sobe pela escadaria (como eu) não paga nada (além dos pecados).

Saindo do Santuário e indo pra Praça Visconde de Mauá para pegar o Bondinho que circula pelos atrativos turísticos do Centro, passei por uma lojinha desses artigos de R$1,99 e vi esse Ultramen "total style" pra colocar no lugar do seu Gleid desodorizador de banheiro.
Obviamente meu bom senso me disse pra não comprar isso (custa uns R$ 4,00), mas quem quiser comprar, é só ir na lojinha Chega Mais na Rua Itororó, 104 em Santos-SP.
(Reparou no meu mapa de Santos na minha mão? Coisa de turista mesmo...kkkk)

Peguei o bonde parado. É um passeio agradável e barato: custa só R$ 1,00.
Curioso que da última vez que fiz esse passeio, era mais curto. Desta vez ele fez um percurso maior e mais interessante, oferecendo pontos de parada. Quem quisesse descer para conhecer o ponto apresentado pode pegar o próximo bonde que vem atrás, coisa de uns 20 min., e apresentar o ingresso que não paga nada a mais.
Mas eu preferi não descer. Depois visitei os pontos que eu queria à pé mesmo. É tudo pertinho.

A Catedral de Santos é linda. Tem alguns traços de influência do estilo gótico. Pena que estava fechada para visitação.

Visitei o Outeiro de Santa Catarina e pude subir suas escadinhas. Lá de cima tem uma vista parcial da cidade. Nessa foto aparecem a Catedral mais à esquerda e acima do morro é possível ver a casa de máquinas do bondinho funicular de Monte Serrat.

Aqui, a Igreja da Ordem 1ª do Carmo e a Igreja da Ordem 3ª do Carmo, unidas pela única torre. Fechada para visitas (Da outra vez que visitei o local, estava com reformas na fachada. É a primeira vez que vejo a fachada destas igrejas). Vizinhas do Panteão dos Andradas, sempre aberto para visitas.

Também visitei o belo prédio dos Correios, onde aproveitei pra mandar postais para meus amigos.

Passei mal devido ao calor que fez de 26ºC com o constante cheiro dos dejetos caninos pelas ruas...
Problema sério.
Quem não passa mal com um passeio que cheira a merda?

Finalizei meu passeio indo pra UNIMES, onde meu pai estava trabalhando. E lá esperei ele pra voltar pra São Paulo.
E isso foi tudo.



Fiquei realmente cansada por andar das 8h30 até às 15h00.
Não consegui ir até a Igreja de Santo Antônio do Valongo devido ao insuportável cheiro das ruas próximas ao local.
Não encontramos nenhum lugar decente e convidativo para almoçar.
[Pô galera, investe aí em pelo menos um lugar mais limpinho, bonito e barato no Centro pra se almoçar!]
No fim, comemos os lanches que levamos de casa na mochila: biscoitos salgados e batata frita.
Pagamos R$ 2,00 por uma garrafa de água mineral. Só tinha uma opção de marca. Dois tamanhos. Ou 500 ml por R$ 1,30 (absurdo!) ou 1,5 L por R$ 1,99 (sem direito a troco).

Confesso que não voltarei tão cedo para visitar o centro de Santos. [Só me pagando, ouviu?]
Apesar dos bonitos atrativos históricos, a cidade ficou devendo no quesito limpeza.
Foi decepcionante.

Nenhum comentário: