24 de ago de 2009

É preciso curvar-se diante do Imperador...

Assisti:

- O Último Samurai - E percebi que o personagem do Tom Cruise aprende a falar japonês rápido demais. Piada. Fora isso, o filme é bonito. E como diz logo no comecinho dele, "o Japão foi feito por uma série de guerreiros corajosos dispostos a dar a vida por algo que tornou-se uma palavra esquecida: honra".
E é bem verdade. Um japonês não se sente envergonhado, derrotado, exausto ou mesmo culpado. Um japonês se sente desonrado. E isso é um peso insuportável de se carregar pelo resto da vida. Por isso, se matam.

Pena que os políticos brasileiros não compartilham essas idéias...
:P

Nenhum comentário: