10 de set de 2009

Pré-conceitos de vários tipos

Assisti:

- Orgulho e Preconceito - Filme maravilhoso. Cenários, roupas, trilha sonora... Já tinha interesse em ler a obra de Jane Austen, agora tenho certeza de que lerei o livro.
Por coincidência, é exatamente o livro que Meg Ryan diz ler em "Mensagem para você" (veja post anterior) e é tema de várias conversas com Tom Hanks no filme.

- A Vila - Eu já tinha visto o filme e resolvi revê-lo. Night Shyamalan sabe criar aquele clima de suspense, mesmo que seja pra contar uma mentira. E neste caso, sabe levar a mentira adiante. Um bom filminho pra assistir no sábado à noite. :)

- O Pianista - Um filme puxa outro, já reparou? Adrien Brody, que também fez "A Vila" com Shyamalan (e acabei de falar desse filme mais acima) , aparece aqui como o protagonista deste filme do genial Roman Polanski.
O filme de 150 min. se arrasta como se o tempo custasse pra passar, mas vale cada longo minuto.
O início tem um clima bem parecido com o de "A Lista de Schindler" mas muito antes da metade, toma seu próprio rumo e tem seu ápice no momento que toca piano para seu inimigo. Quando tudo parece perdido... surge uma solução inesperada. Trilha sonora maravilhosa. Vale assistir até o último segundo dos créditos, quando o filme realmente acaba. ;)



Não dormi.
Passei a madrugada mandando fotos que minha mãe tirou para os amigos dela...
Perdi o sono.
Assisti filmes demais.
Quem sabe hoje durmo cedo.

Nenhum comentário: