8 de out de 2009

Últimas semanas... post gigante

Assisti:

- A Queda! As últimas horas de Hitler - Filme tenso. O ponto de vista é da última secretária de Hitler, que sobreviveu pra contar a história. Achei bem curioso também.

- House M.D. - Dessa vez tou em dia com o seriado. Favorito master. Só não consegue superar X-Files, que tenho coleção de um monte de tranqueiras...
:)


Desde o mês passado, venho tendo chiliques e não postei lá muita coisa que preste, né?

Vamos lá... Vou fazer uma mini-retrospectiva e comentar os "melhores momentos". Ou não!



Adventure Fair - 12/09/2009

Fui super animada pra esse evento.
Vou todo ano.
Esse ano, consegui convencer minha mãe a ir comigo.
FOI A PIOR EDIÇÃO QUE FUI!!!!
-Não consegui ir no imenso [e tentador] tanque de mergulho porque ele foi interditado pela imundície que ficou em poucas horas.
-Não consegui ir no gelo da Patagônia porque não se organizaram lá e não fizeram as paradas necessárias para manter a refrigeração e o gelo tava derretendo um dia antes do evento acabar.
-Só consegui ir no snowboard e o fotógrafo da Webventure tirou fotos minhas e da minha mãe fazendo snowboard [!] e nos deu um cartãozinho com um número para pegar as fotos depois no site. Só que as tão esperadas fotos da minha mãe nunca apareceram porque o fotógrafo é tão ruim que deve ter deletado as fotos dela... Se eu soubesse que o tal fotógrafo fosse tão ruim assim, eu mesma tirava as fotos com meu celular.

A mini pista de snowboard do Ski Mountain Park "tudo de bom" da cidade de São Roque, terra do vinho e óbvio, do esqui.
;)
Foi divertido ver a equipe do parque jogando "papel, pedra,tesoura" [jonkenpow] pra ver quem que ia me equipar. Mas o "ganhador" foi sabotado e não conseguiu me colocar um capacete porque tinham tirado a trava de encaixe dele... huahuahua... e o "perdedor" acabou vencendo a "parada" e fez minha descida.
\o/

Aqui uma das fotos do tal fotógrafo da Webventure...
:P


Revelando São Paulo - 13/09/2009


Esse ano foi bem legal.
Fui com a @dezatravia e ficamos eeeeeeeras numa fila pra comer e não conseguimos. Desistimos. A fila não andava.
Resolvemos andar, ver a feirinha, compramos doces e no fim, comemos lá no Burger King do West Plaza. Fazia tempo que não íamos lá.
:)

Os deliciosos doces de São Manuel. Todo ano vou lá e compro um pote de doce de jaca pra @dezatravia.
E minha mãe vai lá e compra um pra mim também. Hehehe...

Comprei um desses pavõezinhos da cidade de Taubaté. Sempre quis ter um e achei um casalzinho lindo.
:D


Atibaia - 19/09/2009

Não fui tão mal na viagem pra Atibaia como eu havia dito.
O Prof. David concordou que eu realmente não tinha o que dizer naquela praça sem noção.
Aliás, é um roteiro todo sem noção... A cidade se resume à Festa do Morango e fim.
Cidadezinha pacata.

Aqui, a Igreja Matriz, na praça que hoje não tem mais nada: tiraram o coreto, o monumento...

E a Igreja do Rosário, outra mini-igreja da cidade.
Importância???
Deixa pra lá...
:(



Vários lugares - 03/10/2009

Meu dia começou com a ida à Pinacoteca do Estado e já falei desta visita nos últimos posts. [fotos:1][fotos:2][com vídeo:3]

Eu ia ao Museu de Arte Sacra. Ou melhor, eu fui. Mas estava fechado.

Excepcionalmente o museu fechou mais cedo justo no dia que eu resolvi ir... [Era umas 4h30... coisa assim] É que faleceu um parente de alguém da diretoria, de acordo com os boatos que ouvi na entrada. A igrejinha tava tendo missa.
:(
Vou ter que ir outro dia. De novo.

Já que não consegui ir no Museu de Arte Sacra, resolvi ir na Capela de Santo Expedito que fica ali próximo, no "bairro da Polícia Militar".

Portão de acesso à área da cavalaria do Batalhão Tobias de Aguiar [ROTA]. Já passei diversas vezes por esse portão: minha turma de Turismo usava a quadra do batalhão para as aulas de recreação. Estudei na ETE São Paulo e eles tinham um acordo para ceder a quadra de vez em quando...
:)

Graaaaaande Santo Expedito!!!
Lá na igrejinha eu consegui 5 modelos de santinhos do Santo Expedito.
Para todos os gostos e tamanhos de bolso. E é tudo "di grátis".
É só chegar lá e pegar o seu santinho. Costuma ter um milheiro em cada fileira. [o.O]

Se dei azar no museu, aqui dei sorte: tava linda arrumada para um casamento que ia acontecer mais tarde.
:)

Fui pra Liberdade depois, fazer comprinhas.
Comprinhas de japa na Liba são meio óbvias: mantimentos japas [Miojo].

Adoro o grafite dos osgemeos que tem lá na Rua Galvão Bueno, perto da ponte.
Sou fãzona deles.
:)

Pra terminar o dia, fui no teatro como eu havia prometido.
Foi um drama. A minha ida e volta, claro!
O Léo, que atua na peça e é amigo da @dezatravia me convidou e lá fui eu...
Problema #1: Eu só conheço a @dezatravia. Nem o Léo eu conhecia. Só ouvi falar dele... Well... ele idem about me.
Problema #2: Não conhecia o local. Eu cheguei no metrô Carrão e fiquei lá perdidona...
Solução #1: Coincidência ou não, uma das meninas que atua na peça estava no ônibus que eu peguei. E junto dela estava um convidado do Léo, junto com alguns parentes. Resolvi acompanhá-los.
Problema #3: Chegamos muito cedo e muuuito próximo ao local tava acontecendo um casamento! Foi um tanto constrangedor ficar em um páteo cheio de gente com trajes pro casamento e um grupo de gente com trajes mais informais...
Problema #4: O convidado do Léo bem que tentou manter diálogo comigo, mas a mãe dele simpaticamente [imagiiiiine, ninguém reparou...] fechou a roda de conversa ficando entre eu e o grupo, de costas pra mim. [É o fim!!!]
Chegando o horário de começar a peça, fui ficando cada vez mais isolada num canto, empurrada por uma multidão de gente desconhecida.
:(
E nada de @dezatravia aparecer...
:*(
Problema #5: Eu entro no teatro pra ver a peça e encontro @dezatravia e ela nem "oi"...
Problema #6: Junto com ela estava a Debora, do RJ, que já me conhecia e ela nem "oi"...
Sabe quando a gente tem a nítida noção de que não é bem vindo em algum lugar, mesmo tendo sido convidada sem a menor cerimônia??? Pois é...
Ao fim da peça, as pessoas que eu conheço não queriam falar comigo e ficou um clima chatíssimo.
O convidado do Léo [é... eu não sei o nome dele. A única coisa que sei é que é convidado do Léo, tava de camisa xadrez e é da Casa Verde] antes de ir embora ainda tentou manter um contato visual, mas eu já tava P* da vida que eu só queria cavar um buraco ali embaixo da minha cadeira e me enfiar ali pra todo o sempre.
Problema #7: Como sair dali? O povo embaçando... @dezatravia não falava comigo. Eu já tinha caído ali de pára-quedas e não fazia a menor idéia de onde estava [sim! eu não tinha noção de onde eu estava, geograficamente falando].
Resolvi seguir meu instinto [já meio avariado pelo clima chato] e fui pelos boatos. "Se disseram que não estou lá muito longe do metrô, vou descobrir onde é"...
Saí porta afora e virei à esquerda e fui andando, assim sem destino definido...
Eram quase 11h da noite e eu perambulando pela Zona Leste de São Paulo sozinha!!! [o.O]
Vi um ponto de ônibus com algumas pessoas "mais normais" e perguntei pra "uma tiazinha ali" se eu estava perto do metrô. NOT! Tava bem longe.
Dei um "disfarça e sai de fininho" e continuei andando...
Solução #2: Trucentas quadras além do teatro, tava atravessando uma rua que o semáforo havia fechado e [coincidência] tava passando um microônibus que ia direto pro metrô. Fiz sinal e ele parou.
\o/

Estar no metrô para o paulista é praticamente como estar na estrada de ladrilhos dourados para Dorothy em O Mágico de Oz: sabemos onde vai dar.
:)
Lembrando que eu moro próximo a uma estação do metrô... em poucos minutos eu já estava em casa.
Insana e salva.
P* da vida pela situação que a @dezatravia me colocou...

Mas tá desculpada: uma semana antes era pra eu ir [oficialmente] e eu dei "o bolo" bem na hora combinada. Me atrazei nas coisas aqui em casa e acabei nem conseguindo sair de casa. E ela tinha ficado chateada com isso. [Eu sei porque ela desligou o celular na minha cara enquanto eu falava...]
Coisas que acontecem.

Mas que acabou com meu dia tão divertido, ah... acabou sim.
:P



Passei os últimos dias fazendo uma pasta [portfolio] pra pós-graduação da minha mãe.
A contragosto, óbvio.
E ainda, pra melhorar, no dia da entrega, terça-feira passada, a tal pasta ainda não tava pronta e acabou a luz aqui em casa.
\o/
Fuuuuuuuuuuuuuuuuuu...
Huahuahuauhau... Só rindo pra não chorar...

Twitter travando...
Só me restou ficar organizando a fazendinha do FarmVille.
Ó vida!

Nenhum comentário: